Bolo de limão com caramelo

E ontem foi o dia da minha filhota mais velha.

Ai que saudade de quando eram ainda bebês… Hoje uma moça… o tempo realmente passa. Já não há tantos abraços, tantos grudes, tantos beijinhos e declarações de amor a todo momento. Outra fase, nova fase. Agora os beijos, e abraços e colinhos se transformaram em conversas longas sobre tudo a qualquer lugar e a qualquer hora, perguntas frequentes sobre beleza, amizades e até meninos… No lugar de parquinhos no shopping, entraram, as lojas, os perfumes, os batons e a companhia para fazer compras. O filminho junto da mamãe num fim de semana, se transformou em: “Mãe, posso ir na casa da Josefa, Manuela, ou Brigite??? Éh, o tempo passa… E eu continuo aprendendo, outra fase, novas preocupações, mas a beleza de ser mãe existe pra sempre. Olhar para os filhos e ver o que nosso “trabalho” está se transformando, é gratificante. Ver que alguns conceitos são absorvidos. Ver aquele bebê, aquela menina aos poucos se transformando, e logo virando uma mulher. Que delícia ser mãe!

Esse ano não rolou festa e nem grandes comemorações. Foi o primeiro ano de vida delas, tanto de uma como de outra, que passou sem “aquela comemoração”. Confesso que isso me baqueou muito, como sempre, porém com toda a consciência, do poder, ter, manter e educar, eu queria dar o mundo, fazer acontecer de verdade, mas a crise afeta a todos de uma forma ou de outra.

A comemoração foi simples, mas senti que foi intensa pra ela. Ela curtiu. Se divertiu. Se sentiu amada. Se sentiu feliz.

Após um divertido rodízio de pizza, com alguns dos familiares e com as duas BFF dela, fomos para casa para o momento bolo de ser. Bolo esse, feito pela mamãe aqui, é claro. Elas curtem tanto essa coisa de eu fazer o bolo delas, e fazer sempre uma surpresa na decoração. Nunca entrego como vou decorar e todos os detalhes que o bolo terá. Nunca!!

Ela queria no sabor limão, então o resto ela pediu para eu decidir. Afinal nessa fase é complicado tomar decisões simples. Tudo parece meio complicado e detalhe tudo parece duas vezes maior, principalmente os problemas. Ela pensou por quase 3 semanas sobre como queria o bolo. E não conseguiu decidir. Ótimo pra mim, que pude decidir sozinha. Dessa vez peguei algumas inspirações da internet, dei aquela misturada e mandei ver. Adoro!!!!

Bom, vamos ao bolo. Fiz o bolo de limão. O recheio foi brigadeiro de limão. Mas cá entre nós, ficou bom, mas não como eu queria. Eu queria algo com sabor mais forte de limão, mais azedinho para que o segundo recheio que foi de caramelo quebrasse aquele azedinho. Fiz uma calda de limão pra regar o bolo. E cobri com glacê de leite condensado. O bolo dela foi um experimento, porque eu ainda não tinha usado nos meus bolos o recheio de caramelo. Bom, tem gente que não gosta de fazer um recheio para um bolo que no caso outros irão comer, pelo medo que dê errado. Eu também sou assim, porém pelos ingredientes eu tinha certeza que daria certo, e realmente deu. Eu amei a combinação de limão com caramelo. Ah! Fiquei também na dúvida da calda de limão que tinha feito a primeira vez de uma forma nova, meio que inventada, sei lá tive medo de amargar, mas também ficou ótima.

A decoração, eu apostei no chocolate branco que ela também adora isto já em alguns bolos. Derreti ele, pus numa travessa, coloquei os confeitos e levei a geladeira para endurecer e depois cortei em pedaços. Os suspiros fiz em casa. Foram muitos, mas poucos ficaram perfeitos. O probema é que eu estava acostumada com o forno lá da minha ex-casa. Na casa da mamãe, o forno é outro, completamente diferente do que eu tinha. Bati o suspiro e quando fui pré-aquecer o forno, vi que o mínimo nele é 180 graus. Fiquei arrasada e já com a certeza de que ficariam feios. Comecei a pensar no plano B para decoração, mas quando os tirei do forno, vi que tinham uns lindos, fofos e maravilhosos. Então escolhi os mais lindos e fui decorar. Como ela gosta muito de coisas coloridas, deixei o glacê bem colorido também e ela simplesmente adorou. Trabalho concluído, aniversariante mega feliz, então me restou só esperar o momento para ver se ele amargou ou não. E para minha felicidade, o bolo ficou ideal. Ufa!!! Delicioso!!! Como só tinha gente íntima, eu me arrisquei a fazer esse experimento, mas se o bolo  for para cliente, recomendo testar antes. Não esqueçam!!

Chega de blá-blá-blá né? Vejam como ficou!

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s